Atrasada e com desistências, Série B do Estadual terá campeão inédito em 2017 - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, sexta-feira, 23 de junho de 2017

Atrasada e com desistências, Série B do Estadual terá campeão inédito em 2017

Publicado em: 24/11/2016 às 09h49

Dourados News

taporã foi campeão no ano passado, mas desistiu de atuar na Série A esse ano - Foto: Renato Giansante

Começa neste final de semana o Campeonato Sul-Mato-Grossense série B 2016. Após incertezas quanto aos participantes, o coordenador de competições e vice-presidente da FFMS (Federação de Futebol de Mato Groso do Sul), Marco Antonio Tavares, divulgou tabela e regulamento com quatro equipes.

Coxim, Urso, União/ABC e Moreninhas disputarão duas vagas na elite. Já Ubiratan, Maracaju e Cene desistiram de participar. Apesar dos problemas, certeza é de um campeão inédito da competição em 2016.

O Coxim campeão Estadual de 2006, foi vice da série B duas vezes. Em 2001 perdeu para o Águia Negra e em 2005 para o Sete de Setembro, de Dourados. O clube pediu afastamento da série A em 2010 e desde seu retorno em 2012, não conseguiu retornar a elite.

O Urso foi vice-campeão em 2009 perdendo o título para a Serc. O time do sul do estado foi rebaixado em 2014 e na temporada passada, sequer passou da 1ª fase.

Já o União/ABC, foi 3º colocado em 2007. O clube 'itinerante' que já foi de Campo Grande, Camapuã, Inocência, Dourados e voltou para a capital, está fora da série A desde o rebaixamento em 2010.

Já a Moreninhas está fora do futebol profissional desde 2003 quando foi rebaixado da série A e irá disputar pela 1ª vez a série B. O time teve a mesma pontuação do Pantanal mas caiu por ter saldo de gols inferior. O Estadual série B começa no próximo sábado(26) com União/ABC x Coxim e no domingo(27) a Moreninhas enfrenta o Coxim.

A grande final está marcada para o dia 18 de dezembro com local ainda a ser definido.

Confira os campeões da Série B:

1987: Easa – Corumbá

1988: Naviraiense

1989: Angivi – Angélica/Ivinhema

2001: Águia Negra

2004: Maracaju

2005: Sete Setembro

2006: Corumbaense

2007: Naviraiense

2008: Itaporã

2009: Serc

2010: Ponta Porã

2011: Misto

2012: Novoperário

2013: Ubiratan

2014: Serc

2015: Itaporã