Ação na fronteira prende dois integrantes do PCC - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, domingo, 20 de agosto de 2017

Ação na fronteira prende dois integrantes do PCC

Publicado em: 02/06/2017 às 07h47


Dois homens, suspeitos de integrar a área logística do PCC (Primeiro Comando da Capital), foram presos na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, fronteira com o Brasil através do município de Ponta Porã.

De acordo com o Porã News, eles foram identificados como Claudinei Prebom e Cicero Fernando de Lima Almeida.

O flagrante ocorreu após trabalho conjunto entre as polícias dos dois países na manhã desta quinta-feira (1).

Segundo informações dos agentes do SIG (Setor de Investigações Gerais) coordenado pelo delegado Rodolfo Daltro da Policia Civil de Ponta Porã, os presos seriam foragidos da justiça brasileira e estariam utilizando documentações falsas para transitar e residir na região de fronteira.

O promotor de justiça Hugo Volpe, da unidade especial de combate ao narcotráfico acompanhou a busca e apreensão realizada na residência situada na Rua Cerro Leon e Ytororo na cidade paraguaia de Pedro Juan Caballero, onde além da prisão dos dois supostos integrantes do PCC os mesmos apreenderam 16.3 gramas de cocaína, 16 parelhos de telefones celulares de varias marcas e modelos, uma caminhonete da marca Mitsubishi, modelo Triton, cor marrom, placa PTG816 PY, de duvidosa procedência,.

Também foram encontrados uma pistola da marca Glock 17 Gen 4 (Austríaca), cor preta com Serie numero. TSV394. com 3 carregadores para 17 munições cada, uma pistola da marca Glock 17 Gen 4 (Austríaca), cor preta com Serie Nro. XFV676 com 2 carregadores para 17 munições cada e 1 carregador para 30 cartuchos, além 67 munições do calibre 9mm, 20 do calibre 5,56, 18 do calibre 357, oito do calibre 811mm, quatro caixas de pistola G22 Gen4 Serie WPF150, G17 Gen 4 Serie ABTH511, G42 Serie ACEU683, G17 Gen 4 Serie XFV676, uma mochila Táctica cor verde, um cinto Táctico da marca Blackhawk.

O promotor de justiça solicitou o apoio dos agentes da Policia Civil brasileira a fim de realizar os trabalhos de identificação e apoio aos trabalhos de busca e apreensão na cidade de Pedro Juan Caballero.

 

Por: Dourados News