• Assembléia Legislativa - Oficial1

Estadual 2018 pode ter turno, returno e campeão em pontos corridos - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, terça-feira, 24 de outubro de 2017

Estadual 2018 pode ter turno, returno e campeão em pontos corridos

Proposta com competição no moldes do Brasileirão deve ser analisa pelos clubes no Arbitral

Publicado em: 25/09/2017 às 19h55


Para decidir o Estadual 2017, Corumbaense e Novo jogaram 18 partidas (Foto: Franz Mendes/Arquivo)

O sistema de disputa do Campeonato Estadual 2018 será definido apenas na reunião do Conselho Arbitral, ainda sem data definida, mas que deve acontecer em meados de novembro. Com formato mantido nos últimos anos dividindo os clubes em duas chaves regionalizadas na primeira fase, o campeonato é criticado, às vezes pelos próprios dirigentes que aprovam a formula, que o fazem por ser, segundo eles, menos custoso para os clubes.

O atual formato foi utilizado nas temporadas 2016/17 e, de acordo com o Estatuto do Torcedor, pode sofrer mudanças para o próximo ano. Marcos Tavares, vice-presidente da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS) e coordenador de competições diz que os detalhes da competição serão discutidos com os dez clubes já garantidos no Arbitral. Os dois restantes serão definidos pela Série B que termina em dezembro. Operário AC, Misto e Cena disputam as vagas.

Segundo o dirigente, algumas propostas já estão sendo discutidas informalmente com alguns representantes dos clubes e a possibilidade do Campeonato Estadual 2018 ser diferente é real. "A tendência é um campeonato em que todos se enfrentem, neste caso, um turno e retorno em pontos corridos parece ser a mais viável e justa e podemos ir neste sentido", avalia. Em relação ao aumento no número de rodadas, Tavares avalia que não seria problema. "Neste ano utilizamos 18 datas. Com turno e returno seriam 22, então é perfeitamente possível encaixar no calendário", explica.

A proposta, se oficializada durante o Arbitral, encontra apoiadores. Gestor do Sete de Dourados, Tony Montalvão diz que um campeonato em pontos corridos deve ter apoio de outros dirigentes. "Os presidentes do Operário e Comercial já falaram durante o Estadual desse ano que gostariam de um campeonato assim. Outros clubes do Interior também e, particularmente, acho possível", disse.

Já Iliê Vidal, do Águia Negra, se preocupa com os gastos com viagens que os clubes teriam em uma competição neste formato, embora goste da ideia. "Seria ótimo ter 22 rodadas para todo mundo. Vamos ter reuniões para tratar desse assunto e todos os clubes devem analisar pós e contras. Acredito ser possível, sim", analisa.

De acordo com o Calendário do Futebol da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os campeonatos estaduais devem ser disputados entre os dias 28 de janeiro e 6 de maio, mas a data de início pode ser antecipada em duas semanas dependendo do Calendário da Conmebol que deve ser divulgado ainda nesta semana. Se isso não acontecer, são 15 finais de semana disponíveis e sete rodadas precisariam ser disputadas às quartas-feiras. Neste meio tempo, Corumbaense e Novo ainda disputam a Copa do Brasil e o Operário a Copa Verde.

 

Por: Gazeta MS