Crianças chegando em casa com fome e reclamando da merenda escolar em Rio Brilhante - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, sábado, 22 de setembro de 2018

Crianças chegando em casa com fome e reclamando da merenda escolar em Rio Brilhante

Publicado em: 09/08/2018 às 13h43

Da Redação

A Reportagem deste site tem sido procurada desde o ano passado por alguns pais de alunos reclamando da qualidade da merenda escolar, pois esses pais dizem que seus filhos estão chegando em casa fome reclamando porque não conseguem comer a merenda escolar que é servida em algumas escolas, ora pela qualidade e ora pelo cardápio com escassez de produtos.

O caso específico de hoje aconteceu na escola criança esperança cinco localizada no bairro Benedito Rondon, onde as crianças reclamaram que estava sendo servido apenas arroz com feijão até parecendo uma lavagem de tão ralo que era o caldo do feijão.

As fotos que ilustram esta matéria são verdadeiras e foram passadas a reportagem desse site por diversos servidores e professores da referida escola, que confirmaram as denúncias dos pais e reafirmaram que isso tem sido uma constante naquela escola.

Alguns servidores e professores ouvidos pela reportagem, que pediram que o vosso nome fosse guardado em sigilo por receio de perseguição, mas disseram que já desistiram de denunciar o fato aos vereadores da nossa cidade em forma de reclamação, porque até parece que todos eles estão comprometidos com prefeito e com o silêncio e não tem coragem de tomar uma providência séria para resolver o problema.

O problema está aí devidamente mostrado para as autoridades, e a solução está nas mãos de quem tem a responsabilidade de fiscalizar a boa qualidade da merenda escolar.

Sempre se vê o ministério Público abrindo inquérito para verificar diversos crimes, e alguns professores e servidores da educação acham estranho que a promotoria nunca ter aberto um inquérito, uma investigação para apurar a qualidade da merenda escolar de Rio Brilhante, mas não pedindo documentação e informações para prefeitura, mas visitando as escolas na hora que a merenda é servida, tomando depoimento dos professores, dos funcionários e das merendeiras das escolas e acima de tudo ouvindo as reclamações dos alunos. Isso realmente seria útil.

A palavra com o Conselho da Merenda Escolar, com os vereadores da "Nova Câmara" e acima de tudo com o Ministério Público.




  • Colégio Objetivo4
  • Objetivo32