Maracaju: Homem metido a bravo agride sua mãe e depois quis agredir policiais militares - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Maracaju: Homem metido a bravo agride sua mãe e depois quis agredir policiais militares

O mesmo recebeu tratamento especial e foi encaminhado para os braços da justiça.

Publicado em: 19/09/2018 às 08h35

Maracaju Speed

A Polícia Militar foi acionada na última segunda-feira (17) por volta das 19:30h, onde a solicitante A. M. L. (37) através do telefone de emergência 190 relatou que sua mãe a senhora L. M. L. (59) foi agredida por socos, pelo seu irmão E. L. (36) de vulgo “DUDU”, e que sua mãe
estaria muito machucada.

Rapidamente uma guarnição da Polícia Militar se deslocou para a Rua Das Oliveiras, Conjunto Coqueiral, mas o autor “DUDU” não foi localizado, e foram informados que o mesmo fugiu, seguindo sentido Vila Juquita.

A mãe/vítima a senhora L. M. L. (59) apresentava um inchaço tipo hematoma na mão esquerda e reclamava de fortes dores no tórax, provenientes dos socos que o filho “DUDU” desferiu contra a mesma.

A mãe foi orientada a procurar atendimento Médico e posteriormente procurar a Delegacia de Polícia Civil para registro, caso em durante as diligencias dos militares não fosse localizado o autor. Foi passado aos PMs que o autor E. L. (36) de vulgo “DUDU”, está de camiseta vermelha, bermuda cor clara e que o mesmo está usando tornozeleira eletrônica.

Já por volta das 01:30h da madrugada da terça-feira (18), durante diligências e abordagens a pessoas nas características do autor acima citado, os militares foram acionados via telefone 190, por frequentadores da Boate Topázio localizada na Rua Antônio João, Vila Juquita, onde relatavam que um indivíduo nas mesmas características do autor da agressão, estaria pelo local possivelmente sobre efeito de drogas, procurando brigar com as pessoas que estavam no recinto.

Uma guarnição da Polícia Militar composta por um Subtenente, um Sargento e um Cabo, chegou ao local, e ao chegarem no local o autor E. L. (36) de vulgo “DUDU”, partiu para cima da guarnição da PM com socos. Os PMs utilizaram-se de força necessária para cessar as agressões do nervosinho. Sendo utilizado algema e após entrevista o indivíduo se identificou por ser o agressor de sua mãe. Questionado o mesmo sobre os motivos das agressões a sua mãe, este afirmou que sua mãe não queria entregar o seu dinheiro.

Diante os fatos o autor que está posse de uso de tornozeleira eletrônica, foi preso em flagrante pela Polícia Militar e encaminhado à Delegacia de Polícia Civil, onde responderá pelo crime de “LESAO CORPORAL DOLOSA (VIOLÊNCIA DOMESTICA) (Artigo 129 §9 do CP) ”.