Abandonados, Centros Esportivos de Rio Brilhante são utilizados por usuários de drogas - Rio Brilhante News - Notícias de Rio Brilhante MS e Região

22º min
32º max

  • Coberturas31


Rio Brilhante - MS, quinta-feira, 25 de abril de 2019

Abandonados, Centros Esportivos de Rio Brilhante são utilizados por usuários de drogas

Centro Esportivo Athayde Nogueira está sem cesta de basquete por mais de dois anos.

Publicado em: 20/03/2019 às 05h56


A situação dos Centros Esportivos de Rio Brilhante, (Prefeito Athayde Nogueira, Prefeito Theofanes “Barbosão”, Felix Arevalo, são preocupações da população das áreas onde são localizadas as unidades de lazer. Além das péssimas estruturas, completamente danificadas, os locais são utilizados por dependentes químicos, o que deixa os moradores em alerta.

Moradores de Rio Brilhante afirmam que alguns bairros estão abandonados. Os centros esportivos estão tomados por mato e muita sujeira. As áreas destinadas a atividades esportivas foram esquecidas pela prefeitura da cidade, não há quadras, parque para as crianças, um problema que já se arrasta há anos.

Vazamentos de torneiras, e vasos sanitários entupidos são normais em qualquer centro esportivo, matos tomando conta de alambrados e da pista de caminhada dificultando os exercícios da população já virou rotina.

No Centro Esportivo Athayde Nogueira, a falta da única cesta de basquete já é reclamação da população por mais de dois anos, e tem deixado os amantes do basquetebol sem praticar o esporte na região.

Inconformado com a falta de infraestrutura, um comerciante próximo do centro esportivo Athayde Nogueira relatou o descaço do espaço que era destinado para área de lazer foi esquecido. Os brinquedos estão velhos e quebrados e colocam a segurança das crianças em risco.

A assessoria do prefeito Donato Lopes (PSDB), informou que a limpeza já está programada para que seja feita em todas unidades, e que não tem conhecimento de usuários de drogas frequentando os locais, e que daria uma resposta sobre a certificação do Bombeiros quanto ao projeto de pânico e incêndio de cada local, mas até o fechamento desta matéria ainda não passou essa informação.

Vida dos frequentadores dos locais estão em risco, isso porque conforme informação de um servidor da prefeitura, que não quer ser identificado com medo de perseguição política nenhum centro esportivo possui certificado de vistoria do corpo de Bombeiros, podendo a qualquer momento acontecer uma tragédia no local.




  • Objetivo32